SOMAMOS FESTIVAL | CAIO PRADO

Data: 05 de novembro de 2021 | Sexta, às 20h
Tipo de evento: #AoArLivre
Classificação: 12 anos
Duração: 90 min

 

Vocês estão prontos para somar? Vem aí, o Somamos – Edição 2021!

 

Bora somar com responsabilidade + arte + amor + música boa?

 

Nessa segunda edição do Festival, preparamos line-up glorioso, recheado de grandes promessas da música contemporânea brasileira e ainda vamos contar com uma das atrações da edição passada!

 

Além de  um line-up glorioso, o Festival conta com a presença de DJ antes do começo do show, sempre às 19h, e o bar também estará funcionando com drinks e finger foods pensadas especialmente para você aproveitar o momento.

 

Chegue cedo para vivenciar essa experiência completa!

 

Bora somar com MARIANA VOLKER + CAIO PRADO + ZÉ IBARRA E DORA MORELEMBAUM + JÚLIA VARGAS + LÉO QUINTELLA + ALULU PARANHOS + TOM KARABACHIAN + MARINA IRIS + NATASCHA FALCÃO + GEORGE SAUMA + BANDA BILTRE + DJ DONI & DJ IURI.

 

Curta, compartilha e avisa pro mundo que estamos voltando!

 

Acesse @somamosfestival e fique por dentro de tudo!

 

#SomamosFestival

 

 

Sobre o show:

 

➕ Release

 

Caio Prado é uma das vozes mais impactantes da cena contemporânea. Cantor e compositor carioca que vem se destacando por suas canções que transitam entre a profundidade poética e  visceralidade que trata de assuntos raciais, de gênero e políticos. Negro, gay, cria de Realengo, subúrbio carioca, Caio apresenta toda essa mistura em um canto poderoso e autêntico.  Recentemente sua canção Baobá (parceria com Verônica Bonfim) foi selecionada para integrar a trilha sonora do game FIFA 22. Tem dois discos lançados, “Variável Eloquente” (2015) – elogiado disco de estreia produzido por Clemente Magalhães e Maycon Ananias – e “Incendeia” (2018) – produzido por Alê Siqueira com participação de Maria Gadu.  Caio Prado integra também o trio queer Não Recomendados, ao lado de Diego Moraes e Daniel Chaudon. A música que dá nome ao projeto é composição destaque de Caio e se tornou um hino contra a homofobia; foi gravada por Elza Soares, no disco Planeta Fome (2019). Em 2020 o artista integrou o projeto aceleração musical Labsônica edição Toca do Bandido, onde lançou 3 singles, parte de seu novo disco intitulado “Griô” e nesse ano de 2021 já lançou alguns singles em parceria com outros artistas, destaque para a música Elo, lançada com Luciane Dom.

 

O SHOW

O show apresentará um pouco do que será o disco “Griô” e um pouco do que Caio já produziu até aqui. Ao lado do guitarrista Elisio Freitas e do percussionista Bóka Reis, Caio mostrará uma MPB contemporânea e que dialoga com o que há de mais moderno na música mundial, mostrando também o artista na sua versão mais pop flertando com R&B e pagode; traz elementos de raiz percussiva, afrobeats, remetendo a sons matriarcais, junto a texturas e timbres de guitarras e synths.

COMPRAR INGRESSO